domingo, 5 de dezembro de 2010

O desfralde


Desde que o Nícolas completou 2 anos e 6 meses decidi desfraldá-lo. Antes de começar o processo marquei um horário com a Tia Glau (psicóloga da escola e minha querida amiga) para que ela me orientasse nessa etapa já que eu tinha várias dúvidas e angústias em saber se esse era o momento certo e ao mesmo tempo se diante das outras crianças o desenvolvimento do Nícolas era normal, já que ele sempre demorou mais que as outras para: andar (só andou com 1ano e 1mês) e falar: (com 2 anos e 1 mês- o que me trouxe várias dúvidas e até procurei uma fono).
A conversa foi muito interessante, mas ao mesmo tempo muito dura, já que a Glau me fez perceber que o Nícolas já não é um bebê e portanto não deve ser tratado como tal, que ele na verdade é um menininho e que indiretamente a minha superproteção gera insegurança e desconforto e ele mais que ninguém consegue perceber isso. Fiquei triste e até chorei quando me vi nessa situação, mas depois, pensando melhor, percebi que ela tem razão e quando preciso tomar alguma decisão em relação ao meu filho me sinto insegura, aflita e com muito medo de errar (acho que sou muito egoísta), foi assim quando o coloquei na escola e sempre que percebo que ele terá que superar algum desafio e só me tranquilizo quando converso com outras mães e vejo que não sou a única a enfrentar e conflitos diários.
Depois de um tempinho conversando chegamos à conclusão de que ele estava preparado sim e que a partir da semana seguinte ele não usaria mais fraldas e foi o que aconteceu. Ele começou a ir à escola sem a fraldinha e durante a 1ª semana só fez xixi na roupa uma vez.
Depois durante a internação retornei com a fralda e imaginei que não conseguiria desfraldá-lo . Agora ele só usa a fralda noturna e quando está com vontade já sabe pedir e já o xixi e o cocô no peniquinho e às vezes na privadinha (como ele mesmo chama). agora já saímos de casa sem colocar a fralda e sempre pergunto se ele está com vontade e se estiver que é necessário pedir.
Um fato engraçado é que toda vez que o Nícolas encontra com o Drº Gustavo (o médico que operou o seu braço) ele já vai logo dizendo "quero xixi" rsrs.
Estou muito contente com o progresso do desfralde que já dura 1 mês e mais tranquila com a evolução do pequeno.

2 comentários:

Andrea disse...

Passei aqui para te desejar um Feliz Natal e um Ano Novo cheio de alegrias.
Quanto ao desfralde, eu também tive momentos de dúvidas, mas até que o meu Nícolas se saiu bem. O desafio agora é ele acertar a mira quando faz xixi de pé.
Desejo que o seu gatinho se recupere completamente e logo logo.
beijos.

Aline, mãe da "Malia" disse...

É muito importante qdo a gente tem alguém pra nos orientar. Tô nessa luta com o desfralde da minha Maria Rita, mas cheguei a uma conclusão q ela ainda não está preparada e eu posso atrapalhar o processo. Vi q vc esperou até os 02 anos e 06 meses do Nicolas. Vou esperar mais um pouquinho... Bjs e Feliz 2011! Muitas conquistas pra vcs!